O estudo da ótica euclidiana no Renascimento europeu: um estudo de caso

online | | 14:30

Bernardo Mota

Centro de Estudos Clássicos, Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa

Francisco de Melo (1490-1536) foi o matemático português mais importante da geração anterior a Pedro Nunes. Enquanto professor da Universidade de Paris, foi o autor de uma das primeiras tentativas de interpretação das obras ópticas de Euclides no período do Renascimento europeu. Esta comunicação desvenda a história dos dois manuscritos que contêm os seus comentários à óptica euclidiana (Biblioteca Nacional de Portugal - COD 2262; Stadtarchiv Stralsund - HS 0767), explica as principais características do texto, aponta os aspetos fundamentais da tradição a que pertence, e mostra as dificuldades que o estudo deste tipo de materiais levanta. No final, será feita uma breve referência ao estudo da óptica em Portugal no final do século XVI.

Zoom link